sexta-feira, 28 de junho de 2013

Sketch #4...I´m Yours

O mês de junho está quase acabando, mas tem um desafio que não quero perder por nada. 
O blog Scrap & Music, que eu adoro, selecionou uma música super romântica I'm Yours (Jason Mraz). 
E o Sketch #4 da Janice Daquila-Pardo está bonito demais. Ambos foram uma super inspiração. 

E como eu estava louca para usar uma das Dolls Prima (Mixed Media Stamp - Julie Nutting), que comprei da loja virtual da minha querida amiga Sandra Sparremberg


Não pensei duas vezes em substituir a foto pelo carimbo. 


O papel de bolinha é My Little Shoebox - Keesake Cherry & Fog. Os outros eu não sei, estavam na minha caixa de sobras sem a referência. 



 O detalhe em costura, que o sketch sugeria deu um charme.  
 Os stickers são Kissing Booth.
Usei Stazon black jet para carimbar e Distress Ink Tattered Rose no entorno do papel. 



Gostei do resultado. Bem simples...bem fofo. 


quinta-feira, 27 de junho de 2013

Desafio #6/13 - La Amour

     O blog Mad About Magnolia desafiou as Magnoletes de plantão a fazerem um projeto celebrando o amor, em homenagem ao mês mais romântico do ano. Porém, a designer Raissa, impôs a condição de não usar as cores rosa e vermelho, que naturalmente estão associadas ao tema. Adorei!!!  
  
Página 20X20 de um mini-álbum temático das Magnolias, que faço mensalmente. 
 Papéis da coleção Lulu & Roy, da Kaiser Craft.


Chipboard C´est La Vie Collection Bo Bunny
Prima Flowers
Gase
 Carimbei no canto inferior direito com: 
  • Stampers Anonymous Tim Holtz - Collection Curiosities
  • Stazon Timber Brown
Decorative Frames Prima Fairy      Rhymes Collection













E desta vez, escolhi o Edwin, pois achei que este carimbo encaixa como uma luva para o tema do "LOVE IS ALWAYS THE ANSWER" e com a coleção de papéis. 
   É um fofo, concorda? 

Colori com lápis aquarela e utilizei a técnica com esfuminho e ECOSOLV ACRILEX.  

Espero que as meninas do blog gostem, pois adoro participar dos desafios que elas propõem. 

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Desafio de junho Scrap for Help

O desafio deste mês da Scrap for Help é bem divertido. 

Traduzindo...usar um graveto no projeto.


O papel da base é Authentique - Collection: Strong
Usei também: 
  • Tea Thyme Collection Journalking Notecard Set Prima Mark. Inc.
  • Rubbons Kaiser Craft
  • C'est La Vie Chipboard Bo Bunny 
  • Bird Crate Paper 
  • Prima Flowers
  • Distress Stain Forest Moss
  • Distress Ink Old Paper
Modéstia a parte, acho que consegui colocar o elemento "graveto" na página de uma forma super natural.  

O 51 representa a idade que completo este ano. E o BELIEVE pra fazer eu mesma acreditar. 

Apesar da idade...Thanks ever so much. 
O importante é sbaer tirar o melhor que a vida tem para nos dar.    

terça-feira, 25 de junho de 2013

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Vejo, logo quero


Comprar mais papéis, carimbos, ferramentas ou não comprar? Eis a questão, porque se eu vejo, logo quero.   

O que fazer para não ceder facilmente ao consumismo, diante de tantas novidades e coisas lindas que o mundo do scrap oferece? 

Este é um dilema que talvez só a Scrapsofia explique. Entre no menu superior e reflita comigo. 


Kit patchwork


Continuando minhas expedições por OUTRAS ARTES, tem novidade pra mostrar. 
Entre no menu superior e confira.   

quarta-feira, 19 de junho de 2013

CJ Música

     Chegou ao fim a segunda rodada de CJ do Clube Magnolia Curitiba. Dá uma dorzinha no coração, porque é gostoso o desafio mensal de fazer um projeto dedicado à amiga e com o tema que ela propõe. 
      O último CJ que fiz foi o da querida Raquel. A proposta era fazer uma página dupla sobre da música preferida. Escolhi CARINHOSO, do Pixinguinha. Apesar de um pouco triste, me traz boas lembranças da infância, pois minha mãe costumava cantarolar. 
   

Usei um papel da própria Magnolia, cheio de corações entrelaçados, que casou superbem com o tema. E outro com notas musicais, da Bo Bunny.   

Materiais: 
  • carimbo de gaiola
  • flecha cupido de metal
  • chipboard Bo Bunny
  • fio encerado rosa e verde
  • flores Prima

O carimbo é da With Love Collection - Love is in the Air Tilda. 
A técnica de pintura utilizada foi lápis aquarela com pincel e água. 
  

Alguns detalhes de costura feita a máquina deram o acabamento ao projeto.  

Imprimi a música e rasguei o papel rusticamente em 3 partes para destacar os versos.   



Agora nosso grupo está pensando em dar um tempo no CJ e partir para outra proposta criativa. 
Aguardem!

 

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Magnolia POP

ndava com saudades de postar algum projeto da minha queridinha Magnolia. Então, selecionei este cartão, que fiz para o aniversário de uma amiga do meu filho.


Apelidei esta Tilda de Magnolia POP, por causa do figurino e do cabelo. Ela tem um ar anos 70. Concorda comigo?




Muito fofa, ne? 


quarta-feira, 12 de junho de 2013

Sketch #3...Feel so Close

O desafio do mês de Junho do Scrap & Music está demais, principalmente porque a música escolhida é uma das minhas preferidas: Feel so Close (Calvin Harris). 
O sketch é da design Ana Castro e está super lindo. 

Sketch # 3
Criei esta página e, em homenagem ao Dia dos Namorados, usei uma foto antiga de quando eu e meu marido éramos namorados. 


O papel da base é da Prima Marketing Inc.- Lyric Collection; e os demais papéis e chipboards, 
que usei na composição do sketch, também são da Prima, mas da Fairy Rhymes Collection 
"Secret Garden". 

Ferramentas: 
Furador de borda (usei na parte inferior da bandeirola) da TEC - Toke e Crie

Materiais: 
- Distress Ink Tim Holtz - Old Paper e tattered Rose
- Press Ons Cottage Farms Pinkpaistel 
- Ladies' Diary Alphabet Stickers
- Flores Prima Mark. Inc.
- Rosa de cetim
- Renda
- Lã
- Detalhe de costura à máquina


O resultado foi um projeto bem romântico. 
Até mais! 



terça-feira, 11 de junho de 2013

Outras Artes - Ponto cruz


Voltando a postar sobre as outras artes que eu gosto de me aventurar, gostaria de falar do ponto cruz. É meu passatempo preferido em frente da TV. Entre em OUTRAS ARTES, no menu superior, e confira.  
   

Tag

As tags são muito bacanas, porque funcionam tanto na composição de projetos como isoladas. 


Fiz esta tag para colocar numa caixa de presentes. Uma solução simples, rápida e que funciona super bem. 


sexta-feira, 7 de junho de 2013

Olhar

Oi, pessoal! Hoje quero refletir com vocês sobre fotografia. A matéria prima do scrapbooking, mas que muitas vezes nos empolgamos tanto com as composições, as cores e os elementos do projeto, que ela, a estrela, fica relegada a um segundo plano. 

O fotógrafo holandês, radicado no Brasil pouco mais do que 10 anos, e também um grande amigo meu, Len Vermeulen, sempre diz que o mais importante na fotografia não é o produto em si, ou seja, a foto, mas o olhar. 

Segundo ele, é o olhar de quem tirou a fotografia que vai determinar o olhar dos que vão vê-la. Observe esta foto abaixo, uma das muitas obras de arte do Len.  


Acho que é isso que ele quer dizer sobre OLHAR. 

Olhar com a alma, sendo capaz de capturar o momento, a história, a emoção. Poderia ser apenas uma janela e uma flor, mas é muito mais do que isso. A composição dos elementos, as cores, até mesmo a simplicidade diz tanta coisa, que realmente olhar para esta foto mexe com muitos sentimentos na gente.

Fiz esta página pra mostrar o meu OLHAR.


Não queria roubar a cena da foto, por isso procurei trabalhar com poucos elementos. Tive a sorte de encontrar papéis em que as flores se parecem demais com o gerânio da foto. São da coleção Remember Me, da Kaiser Craft. Usei também papel craft sanfonado com pinceladas suaves de gesso acrílico. Queria remeter à ideia de uma fachada. E adicionei o Wood Flourish, também da Kaiser Craft, e arabescos em MDF.

Veja em detalhes: 

 
Pra finalizar, o Len passou este texto pra gente, com algumas dicas. Anote aí: 


"Fotografar é, em primeiro lugar, olhar.
Claro que ter uma máquina boa, com muitos pixels e uma lente zoom de meio metro, faz diferença no resultado, mas a câmera sozinha, não tira uma boa fotografia. Quantas vezes você já viu uma pessoa aparecer na foto com um árvore crescendo na cabeça ou um poste. Então, olhe bem, um segundo a mais do que o normal pode fazer a diferença e você já conseguirá fazer uma foto bem melhor.
Para isso, vou dar algumas dicas:
- no momento de fotografar, mude de ângulo várias vezes até encontrar a posição ideal, que valorize o seu foco principal.
- dobre os joelhos. Isso é muito importante quando estiver fotogrando crianças ou seu bicho de estimação, por exemplo.  
- aproxime-se do objeto em vez de ficar longe com um zoom poderoso.
- Observe cuidadosamente o fundo. Se possível, escolha um fundo não muito colorido e também não muito claro. E que não esteja poluído, com muitas pessoas ou objetos, porque isso tudo tira a atenção do assunto principal. Deixe estas opções para determinadas situações, quando quiser traduzir uma linguagem específica, como no caso da publicidade e propaganda.
- o objeto, a pessoa ou as pessoas não precisam necessariamente estar no meio da foto. Um pouco mais para a esquerda ou a direita pode transformar a percepção do todo.
- Pense no horário do dia que vai fazer a foto e observe a direção do sol. A iluminação faz toda a diferença na fotografia. Até as 10 horas de manhã a luz tem a intensidade ideal. Depois se transforma,  ficando forte e muito clara, com sombras fortes. Só por volta das 16h é que volta a recuperar a intensidade adequada. A luz do amanhecer ou do pôr do sol deixa a foto com tons dourados. A direção do sol é importante porque interfere na intenção da foto. Luz frontal, o sol atrás de quem está fotografando, é para obter fotos brilhantes e nítidas; já a iluminação por trás cria o efeito de silhueta; a iluminação lateral, destacando um dos lados do objeto ou pessoa serve para mostrar a textura do tema.
Tudo isso ainda varia conforme o lugar do mundo ou época do ano, mas só tem um jeito de descobrir. É praticar muito. A fotografia, como qualquer outra arte requer conhecimento, técnica e dedicação. E posso garantir que este esforço vale a pena." 

Len Vermeulen 

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Páginas masculinas

     Abaixo coloquei dois exemplos de páginas masculinas. São projetos que realizei quando comecei a fazer scrap. Particularmente, acho que o que salva tanto um projeto como o outro são as fotos originais, de quando meu marido era criança, pois percebe-se claramente a minha falta de técnica e de conjunto. A simplicidade, que se traduz na pobreza de elementos, é outro ponto a ser destacado.



     Mas, o que eu realmente quero analisar aqui é que dois anos se passaram e não evoluí grande coisa neste sentido. Embora tenha marido e dois filhos, o que me obriga regularmente a fazer páginas masculinas, ainda encaro o dilema de criar páginas masculinas. Não é fácil descartar as flores, rendas, babados e muito fru-fru, que nos encantam tanto. Até os papéis acho mais complicado de escolher. Não existem tantas opções e as coleções normalmente apresentam temáticas similares e os embellishments não fogem à regra. 
     Percebo e tenho ouvido de muitas outras scrappers, incluindo aquelas mais experientes, que sentem a mesma dificuldade. Já pensou por quê? Escreva pra mim contando a sua experiência neste sentido e, se possível, como conseguiu dar a volta por cima e criar páginas masculinas mais incrementadas. 

Vou aguardar seu comentário. 
Bj 


terça-feira, 4 de junho de 2013

Novidade no blog

Hoje quero inaugurar uma nova página aqui no blog. Normalmente, quem faz scrap já fez ou ainda faz alguma outra atividade artística e/ou artesanal. Comigo não é diferente. Por isso, resolvi criar este espaço dedicado às OUTRAS ARTES e compartilhar mais estas experiências com vocês.  Entre no menu superior e confira a primeira postagem.    


segunda-feira, 3 de junho de 2013

Guest de junho da Scrap pelo Brasil

Fiquei muito feliz quando a Kátia me convidou para ser "Guest de Junho" do blog Scrap pelo Brasil.



O desafio que inaugurou o mês no blog é da Leila e a proposta é FAZER UM SCRAP SOBRE NÓS MESMAS. 
As regras são usar uma foto sua (sozinha) e ter journaling. 

Resolvi explorar o próprio scrap e a fotografia na minha página. No journaling digo o porquê de amar tanto estas duas artes: "Como escritora encontrei outra forma de contar histórias".


A coleção de papéis Mamma-Razzi, da BoBunny, caiu como uma luva. Gosto de páginas cheias e caprichei nesta daí. O elemento da máquina fotográfica, em múltiplas versões, traduz bem a intenção do projeto e tem tudo a ver com a foto.

Outros materiais utilizados foram: 
  • Stickers Simple Stories - 24/seven
  • Stencil "Pochoirs" Prima Marketing Inc.
  • Distress Ink Tim Holtz - Vintage Photo


Até mais e não deixe de participar desse desafio do Scrap pelo Brasil, que está bem bacana.  
BJ

domingo, 2 de junho de 2013

Calendário - Junho



Olá, amigas queridas, 

Sorry pelo delay de um dia pelo segundo mês consecutivo na postagem do calendário. Acho que inconscientemente eu quero desafiar o tempo. Fazer com que este mês passe mais lentamente. Afinal, estamos em junho, o mês mais romântico do calendário. 

Esta coleção de papéis da Graphic 5 transmite bem esta ideia de "o amor está no ar". 
  

E como eu sou extremamente romântica, gosto de viver, ou melhor dizendo, reviver cada momento. Procuro não ter apenas um Dia dos Namorados. 

Querem saber como ter isso?

Bem, lá vão algumas dicas: aproveite o clima romântico e resgate a história de amor que vive com seu parceiro. Revire o baú em busca de "memorabílias". Relembre com ele alguns momentos engraçados, importantes, ou mesmo triste que superaram juntos. Releia cartinhas de amor. Faça algo inesperado. Prepare um jantar romântico no estilo que costumavam fazer quando eram namorados. Pode ser preparar o prato preferido dele, ir ao restaurante mais caro da cidade ou comer cachorro quente na barraca da esquina. Não importa. No amor...vale tudo. Essa premissa é tão verdadeira quando somos namorados, não é mesmo? Depois o tempo passa... e a gente deixa passar pequenas coisas de grande importância. 

É esta a mensagem que eu quero deixar aqui: entre todas as histórias de amor, aquela que vivemos é de longe a mais linda de todas. Então, reviva, relembre, resgate, recomece e registre. Por meio de uma página, um álbum, uma caixa de presente...o scrap perpetua. 

Pra quem não assistiu ainda o vídeo sobre CALENDÁRIOS, aí vai novamente. É bem ilustrativo. Vale a pena conferir!

video


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...